IEMA: Meta de ônibus elétricos em SP ainda longe de ser cumprida; Frota diesel está menos poluente

O IEMA (Instituto de Energia e Meio Ambiente) divulgou nesta quarta-feira, 22 de setembro de 2021, a terceira edição do boletim do Monitor de Ônibus SP, que traz um acompanhamento geral da situação dos transportes na capital paulista abordando aspectos como ônibus disponíveis para a população, emissões de poluentes, metas de renovação da frota, quilometragem percorrida, entre outros.

De acordo com o levantamento, a meta de implantação de ônibus elétricos no sistema está bem longe de ser cumprida.

O IEMA lembra que de acordo com planos elaborados pelas viações e apresentados pela SPTrans (São Paulo Transporte), gerenciadora do sistema, 2.620 ônibus elétricos estavam previstos para rodar em 2021 para cumprir metas de redução de emissões atmosféricas presentes em contratos assinados em 2019. Atualmente, circulam apenas 219 veículos movidos a eletricidade, sendo que 201, são trólebus.

A prefeitura de São Paulo apresentou um novo número por meio de seu programa de metas: 2.,6 mil ônibus elétricos novos deverão ser adicionados à frota até 2024.

Clique aqui para ler a matéria completa no Diário do Transporte.

Caio diz que intensifica atuação para deixar ônibus elétricos mais viáveis financeiramente e em termos operacionais
PREVIOUS POST
Eletra mostra novos produtos no VE Latino-Americano
NEXT POST

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *